(…)
Raymundo Lopes: Senhora, (…) tem mais alguma coisa para me dizer?
Nossa Senhora: O Céu lhe mandará ajuda para entender o Evangelho, você crescerá muito depois destas (minhas) visitas e ficará, aos poucos, conhecido por muita gente. Você não é conhecido no Céu por seu nome. No Céu você tem outro nome1, depois isto ficará claro. Aos poucos, procure falar pouco sobre estas minhas aparições a você, e fale mais sobre o que irá aprender do Evangelho.
Jesus quer que você seja aquele que irá anunciar a sua vinda. Isto é o mais importante.
Depois da morte deste Papa (João Paulo II), procure intensificar mais esse propósito e
anuncie a vinda de Jesus. (…) Você está preocupado com aprovação humana2, e Eu estou preocupada para que a Igreja receba Jesus, sem sofrimentos. O Diabo irá rondá-lo sem trégua. Procure na espiritualidade beneditina3 forças para lutar contra essa investida. O grupo que lhe ajuda irá crescer com o tempo. Estarei sempre presente para ajudá-lo.


1- Seu nome no Céu é Daniel, como depois a Mãe de Deus lhe explicou, no diálogo de 26/03/2004 (O Terceiro Segredo – A Vinda de Jesus, pág. 126):
“– Senhora, com todo o respeito que lhe devo, por que me chama de Daniel, se nunca fez isto antes?
– Porque a partir de agora é necessário este procedimento; se o chamarmos com este nome, o príncipe deste mundo não terá acesso a você.”
2- Refere-se à preocupação do Raymundo quanto à aprovação, pela Igreja, destas revelações celestes a ele.
3- Bênção de São Bento, posteriormente introduzida no Momento Missionário, realizado toda terça-feira, às 19:30 horas, na Capela Theotókos (BH).
(pág. 44)