Meu Filho está próximo a vir, isto Eu disse à pastora Lúcia

(…)
– Senhora, o que quer de mim?
– Quero que transmita a todos o meu apelo para que rezem pela Igreja.
– A Senhora tem alguma coisa a falar?
– O que tinha a falar, já o disse em Fátima (Portugal); algumas coisas já aconteceram e outras ainda não aconteceram.
– A Senhora poderia explicar melhor?
– Meu Filho está próximo a vir, isto Eu disse à pastora Lúcia e pedi que guardasse segredo até sua hora oportuna, para que fosse revelado ao Papa da época. A Igreja terá que preparar o mundo para o retorno de Jesus, e somente ela tem o poder dessa revelação. (…) Estou lhe transmitindo como disse à pastora Lúcia, mais uma vez: O Céu já não suporta tanta violência e é dever de todos trabalharem para a paz em todo o mundo. Já estava previsto que os papas nada fariam, com receio de nada acontecer e desacreditar a Igreja, mas a revelação é necessária. Os papas não acreditarão nas minhas palavras, e quando acordarem será tarde demais.(…) as trombetas anunciando o retorno de Jesus já estão tocando…